Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
27 de dezembro de 2010 22:43

Secult e Prefeitura assinam termo de responsabilidades para Carnaval

A Satur será responsável para programar e monitorar as apresentações dos artistas

Por Editor

A Secretaria de Cultura do Estado (Secult), a Empresa de Turismo de Salvador (Saltur) e o Conselho Municipal do Carnaval (Comcar), assinam, nesta terça-feira (28), às 9h, no Palácio Rio Branco (Praça Municipal), termo de acordo e compromisso definindo as responsabilidades de cada órgão para o Carnaval 2011. A iniciativa pretende evitar a sobreposição de ações e tem como objetivo o apoio institucional mútuo para a execução de projetos e atividades que envolvem o Carnaval Ouro Negro, Carnaval Pipoca e Carnaval no Pelô.

Entre as diversas definições do Termo de Cooperação Técnica são obrigações da Secult, o planejamento e execução integral dos projetos Carnaval Ouro Negro e Carnaval do Pelô, além de concepção do projeto Carnaval Pipoca, ficando responsável pela contratação de quatro trios e suas respectivas produções executivas.

A Satur será responsável para programar e monitorar as apresentações dos artistas no Carnaval Pipoca, garantindo sua integral realização e a programação e saída dos blocos e trios respeitando seus horários estipulados. Dentre as responsabilidades do Comcar está a seleção dos artistas que serão contratados pela Secult para as apresentações do Carnaval Pipoca e ainda programar e autorizar as saídas dos integrantes do Carnaval Ouro Negro, Carnaval Pipoca e Carnaval do Pelô.

Programas – O Carnaval Ouro Negro é o apoio a entidades de matriz africana. Em 2010 foram 120 entidades entre afoxés, blocos afro, de índio, de samba, de reggae e de percussão que se apresentaram nos circuitos Batatinha (Pelourinho – Centro Antigo), Dodô (Barra-Ondina) e Osmar (Campo Grande), com o desfile de cerca de 118.760 participantes.

O Carnaval Pipoca garante a festa do folião que brinca fora dos blocos de corda. No ano passado foram 17 projetos, que desfilaram pelos dois circuitos da festa com artistas como a cantora baiana de rock and roll, Pitty, que subiu pela primeira vez em um trio elétrico e comandou ao lado da cantora Nancy Viegas e dos músicos da banda Radiola, o trio Carnivalha. Teve ainda o trio dos Novos Baianos, com Paulinho Boca de Cantor, Pepeu Gomes e Baby Consuelo e mais 20 saídas nos Circuito Dodô, Osmar e Batatinha, além dos 270 artistas que se apresentaram nos trios do Conselho Municipal do Carnaval e nos bairros da cidade.
O Carnaval do Pelô é a folia nas praças e largos do Centro Histórico. Em 2010 cerca de 10 mil pessoas participaram da festa para assistir à apresentação de 83 atrações, entre bandinhas, performances e artistas, e também dos quatro bailes infantis realizados na Praça das Artes.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*