Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
22 de novembro de 2010 07:05

Vitória empata e entra na zona de rebaixamento

O Vitória precisa de quatro pontos em dois jogos para não ser rebaixado

Por Editor

O jogo era contra o líder, mas o Vitória equilibrou as coisas em campo. Porém, não fez o suficiente para vencer a partida e ficou no 1 a 1 com o ex-líder Corinthians, na tarde deste domingo (21), no Barradão. O resultado foi ruim para os dois times. Os paulistas não dependem mais apenas de si para conquista do título, enquanto o Leão seca o Avaí, que joga contra o também ameaçado Atlético-GO.

Com o resultado, o Rubro-negro chegou aos 40 pontos e continua na 16ª posição. Só que o Avaí (17º, com 37 pontos) pode igualar a pontuação do Leão. Como teria melhor número de vitórias, o Rubro-negro terminaria a 36ª rodada na zona de rebaixamento. O Timão fez 64 pontos e acabou ultrapassado pelo Fluminense, que bateu o São Paulo por 4 a 1 e voltou a liderar o torneio.

Na sequência do Brasileirão, o Vitória encara o Internacional, no Beira Rio, no próximo domingo (28), às 16h. Depois, encerra a participação na competição no Barradão, contra o Atlético-GO, dia cinco de dezembro. Já o Corinthians vai se preparar para pegar o Vasco, na próxima rodada, no Pacaembu. A última partida do time alvinegro na Série A 2010 será diante do Goiás, fora de casa.

O Vitória começou marcando a saída de bola do Corinthians, não permitindo ações de ataque adversário. Porém, não conseguia entrar na área do goleiro Julio Cesar e acabou cedendo espaço no seu campo de defesa. Aos 14 minutos, o colombiano Viáfara salvou o Leão. Jorge Henrique recebeu passe de Ronaldo e saiu na cara do gol. O goleiro rubro-negro partiu pra cima da bola e conseguiu evitar o tento alvinegro.

Só que aos 20, Danilo não vacilou. Roberto Carlos passou para Danilo no meio, ele fez triangulação com Ronaldo e ficou na cara de Viáfara. De esquerda, ele abriu o placar no Barradão. A primeira chance de empate do Vitória aconteceu aos 23. Ramon sofreu falta na entrada da área e ele mesmo partiu para cobrança. Julio Cesar se esticou todo para espalmar o chute do Rei da Toca, que tinha destino certo, o gol.

Aos 29, o atacante Ronaldo sentiu uma fisgada na coxa direita e deixou a partida. Iarley entrou e o Vitória acabou melhorando. Aos 41, Egídio cruzou para Ramon na área e Ralf meteu a mão na bola. Pênalti marcado por Simon. Viáfara saiu da meta para cobrar e mandou o tiro quase no meio do gol, sem chances para o arqueiro do Corinthians, que caiu no canto esquerdo. Era o empate do Leão.

Jogo equilibrado e com muita emoção
As duas equipes precisavam vencer e entraram em campo no segundo tempo em busca do gol. Logo aos cinco minutos, Elias recebeu a bola dentro da área e Viáfara saiu como um zagueiro para afastar o perigo. No minuto seguinte, foi Danilo quem chutou de fora da área e Viáfara salvou mais uma vez, caindo no canto esquerdo para defender.

Ainda no sexto minuto, contra-ataque do Vitória. Elkeson recebeu na entrada da área, limpou William e chutou de direita. A bola bateu na perna do goleiro Julio Cesar e saiu pela linha de fundo. Aos 15, Adailton pegou sobra de bola dentro da área, após cruzamento de Henrique. Ele ajeitou para o chute e acabou mandando em cima de Julio Cesar.

Aos 16, rápida jogada de contra-ataque do Vitória, Júnior cruzou da esquerda e Henrique desviou com o pé direito, mas a bola passou à direita da meta corintiana. Aos 20, a polêmica do jogo. Henrique fez belo lançamento longo para Júnior, que se livrou da marcação e marcou. O bandeira Altemir Hausmann, da Fifa, marcou impedimento e parou tudo. Aos 37, o Vitória chegou com Henrique. Ele recebeu de Júnior, invadiu a área e chutou de esquerda, mas Julio Cesar defendeu sem dificuldades e ficou nisso: 1 a 1.

Fonte: Correio da Bahia

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*