Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
30 de setembro de 2010 09:21

Evento amplia discussão sobre o SUS em Camaçari

Cerca de 300 pessoas participaram da palestra que aconteceu na Cidade do Saber.

Por Editor
 
Foto: Ascom/PMC – Agnaldo Silva  

Com o objetivo de ampliar os conhecimentos sobre o Sistema Único de Saúde (SUS) e formar agentes multiplicadores, a Secretaria de Saúde (Sesau) de Camaçari, realizou, na manhã da quarta-feira (29/09), a 1ª aula pública sobre o SUS na Microrregião Leste, que compreende as cidades de Candeias, Pojuca, Mata de São João, Dias D’Ávila e São Sebastião do Passé.

Cerca de 300 pessoas, entre servidores da Saúde, professores e estudantes, compareceram ao Teatro da Cidade do Saber, para assistir a palestra ministrada pelo professor titular e doutor em Saúde Pública, da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Jairnilson Paim.

Para a subsecretária da Sesau, Sandra Marques, “a iniciativa foi extremamente propícia, uma vez que é necessário trabalhar continuamente para melhorar cada vez mais os serviços prestados pelo Município à população”.

O Doutor Jairnilson explanou sobre as dificuldades, avanços e desafios do SUS, através de um panorama nacional e estadual. “O SUS não é apenas para os pobres e, sim, para todos os cidadãos. Porém, para funcionar de forma adequada é necessário promover modificações no setor da saúde que transcendam as reformas administrativas e financeiras”, afirma.

Segundo o palestrante, o SUS nasceu de movimentos sociais e é importante que as pessoas tenham a consciência dos direitos garantidos pela Constituição Brasileira.

Apesar dos entraves, Paim explicou que o SUS está presente em mais de 5.500 municípios brasileiros e possibilita o maior número de atendimentos em saúde. Dentre eles, cerca de 2,8 bilhões de procedimentos por ano, além de internamentos, transplantes de órgãos, tratamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), insuficiência renal e câncer.

De acordo com o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Paulo Cezar Costa, “ações como esta, prestam esclarecimentos a comunidade e fortalecem o vínculo entre o Município e os usuários dos serviços de saúde”.

Ao final do evento, foi aberto um debate para que os participantes esclarecessem as dúvidas.
Participaram da aula publica a subsecretária da Educação, Graça Guimarães, o diretor da 1ª Diretoria Regional de Saúde (DIRES), José Moacir Ramos da Silva e a representante da Coordenação de Educação Permanente em Saúde (CEPS) do Município, Jaciara Barreto.

Fonte texto e foto: Ascom/PMC

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*