Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
06 de dezembro de 2010 20:56

Ademar Delgado fala sobre sua história política e administrativa em Camaçari

Mais de 20 anos de serviços prestados ao Município

Por Fabiane Santos

Secretário de Administrações do Município de Camaçari. É Formado em administração pela Universidade Federal da Bahia, Ademar Delgado conta sobre sua histórica vida política no Município de Camaçari, em entrevista concedida ao programa de Jutan Araújo, Baiana na Política.

Seu pai era Prefeito no Município onde moravam. Ademar conta que aprendeu sobre política desde pequeno, principalmente sobre a diferença de política e politicagem. “Nós aprendemos a extinguir o que é política de politicagem. Adversário do inimigo, quer dizer eu sempre trabalhei muito nessa perspectiva, de que você pode ter adversários políticos mais não precisa ter inimigos. E a política, eu sempre vi como um momento pedagógico”, disse.

Segundo Ademar, sua longa trajetória política começou no Município de Camaçari, em 1980, quando foi convidado por um amigo e seu antigo professor, para trabalhar no governo de Humberto Ellery, como coordenador de programação e orçamento. Desde então a relação e simpatia por Camaçari foi aumentando.
Em 1986, Ademar conta que trabalhou como secretário de Administrações e Finanças, logo depois foi trabalhar na Limpec, passou também pela SECAD, DERBA e trabalhou no Departamento de Aviação da Bahia. Foi concursado como auditor fiscal e trabalhou como servidor público, onde se aposentou.

Já trabalhou também na Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Camaçari, onde foi um grande desafio, mas conseguiu organizar. Ademar revela que um bom gestor tem que saber organizar equipes, e é o que tem feito. “Eu sempre digo que o que eu tenho feito ao longo da minha vida enquanto gestou é organizar uma equipe. Por que a gente pode não saber pouco, mas se souber organizar uma equipe, sabe muito”, diz.

Atualmente está à frente da Secretária de Administração onde mantém uma gestão, na qual a política seja de tratar bem a todos os servidores públicos e sempre priorizando o que funcionário. “Fizemos o concurso público, que está estabelecido na constituição Federal. Fizemos o Plano de Cargos, que o servidor de Camaçari, que quando ele é admitido pelo concurso público, ele pega o estatuto e sabe como iniciou a sua vida e como terminará a sua vida e quais os espaços ele pode conquistar”, comenta.

Ademar conta que sua maior realização quando ele sair da SECAD é ver que o servidor público adquiriu a sua dignidade, através dessa nova política implantada.

 

Fonte: Baiana na Política

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*