Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
10 de novembro de 2010 08:56

Aniversário da Associação de Produtores Rurais do Açu da Capivara

O vereador Alfredo Andrade parabenizou a APRODUAÇU pelos seus 14 anos.

Por Editor
 

Aniversário da Associação de Produtores Rurais do Açu da Capivara.

Foto: André Damasceno.

 

No dia 07 de novembro a Associação de Produtores Rurais do Açu da Capivara comemorou seu 14° aniversário com um bonito culto de ação de graças, onde participaram o vereador Alfredo Andrade (PSB), principal representante da comunidade junto aos poderes públicos, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Hélio Cortes, o secretário de Desenvolvimento Urbano, José Cupertino, o presidente do Movimento Carentes Sem-Terra, Pedro de Jesus, e outras autoridades locais.

Durante a solenidade os alunos da escola comunitária do Açu da Capivara, que funciona na sede a associação fizeram diversas apresentações com poesias, músicas de Luiz Gonzaga e músicas de autoria própria, compostas pelo conhecido Risadinha, alunos da alfabetização.

Um dos pontos altos do culto foi o momento em que, numa forma de homenagem ao fundador do assentamento, foi exibido um vídeo do primeiro culto de fundação do assentamento em 1996, liderado pelo então presidente do MCST na época, o finado Zé Gomes.

Parceiro dos produtores rurais do Açu da Capivara, o vereador Alfredo Andrade parabenizou a comunidade por mais um ano de conquistas. “Vocês já conquistaram muito ao longo desses anos. Lembro quando as estradas que chegam até aqui eram todas esburacas, quando não tinha luz, quando as mulheres iam pear água para cozinhar no rio, e muitas outras dificuldades.

Hoje tudo mudou, as estradas melhoraram, breve o asfalto chegará até aqui, temos energia, e conseguimos construir uma caixa dágua no centro da comunidade. Por tudo isso vocês estão de parabéns”, disse.

Ao final do culto, mas uma homenagem foi feita ao finado Zé Gomes, fundador do assentamento em 1996, com a colocação de uma cruz na praça do assentamento. “Todo assentamento que Zé Gomes fundava ele colocava uma cruz no meio do mesmo, pois ele era uma pessoa muito católica. E quando ele fundou esse assentamento ele fez o mesmo. Por isso estamos repetindo o mesmo ato”, disse Dado Dinamite, sobrinho do finado Zé Gomes.

 

Mesa da solenidade foi composta por autoriades políticas e moradores.

Foto: André Damasceno.

 
 

Apresentação das crianças da escola voluntária.

Foto: André Damasceno.

 
 

Apresentação dos alunos da alfabetização.

Foto: André Damasceno.

 
 

A cruz foi instalada em homenagem a Zé-Gomes fundador do assentamento em 1996.

Foto: André Damasceno.

 

 

 

 

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*