Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
17 de novembro de 2010 23:17

Camaçari realiza vistoria de taxímetros

O taxista que não fizer a aferição no prazo poderá receber uma multa

Por Editor

A Superintendência do Trânsito e Transporte (STT) de Camaçari e o Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro) realizam, até a próxima segunda-feira (22/11), a vistoria dos taxímetros da frota de táxi do Município.

O objetivo da ação é garantir ao consumidor a precisão do valor da corrida apresentado no medidor do veículo. Já foram vistoriados 40 táxis dos 195 cadastrados na Superintendência.

De acordo com o diretor de Transporte da STT, Antonio Jambeiro, na aferição o táxi recebe o selo de vistoriado do ano no vidro dianteiro e o lacre no taxímetro. “Desta forma o usuário pode verificar que o veículo está em conformidade com as normas exigidas pelos órgãos fiscalizadores”, explicou.

Para realizar o procedimento o taxista deve comparecer ao pátio da STT com o documento do veículo, a certificação da aferição do ano passado e o comprovante de pagamento da taxa no valor de R$37,50, como exige o Ibametro. A vistoria acontece das 8h às 12h e das 14h às 18h.

O taxista que não fizer a aferição no prazo determinado poderá receber uma multa de R$ 435,00, como prevê o Código Brasileiro de Trânsito (CBT). Os taxistas que não compareceram no prazo têm até dez dias para justificar a ausência e recorrer da multa aplicada.

Operação clandestino zero

A Superintendência do Trânsito e Transporte (STT) de Camaçari continua a operação de combate ao transporte clandestino no Município. Nesta quarta-feira (17/11), agentes de trânsito apreenderam dois veículos que realizavam transporte irregular na cidade. Outros dois carros também foram autuados e encaminhados a 28ª Ciretran por estarem com documentos atrasados.

Fonte: Anami Brito / Ascom-PMC

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*