Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
23 de dezembro de 2010 19:24

Greve dos aeroportos está suspença até 10 de Janeiro

A Decisão é da Juistiça, segundo o juíz da 4ª Vara do Distrito Federal

Por Fabiane Santos
 

Atrasos nos voos causam caos nos aeroportos

Fonte: Google

 

Após o início da Campanha Salarial dos Aeroviários e os Aeronautas, no mês de novembro, os aeroportos de todo o Brasil, começaram a sofrer os reflexos das negociações. A categoria está pedindo um reajuste de salarial 15%, mas a última proposta oferecida pela classe patronal é apenas de 6,05%. Com isso os trabalhadores optaram por iniciar a greve e os prejudicados foram aqueles que deixaram para viajar na semana das festas.

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (INFRAERO), cálcula que 38,1% dos voos domésticos estejam atrasados, 4,5% foram cancelados e muitos passageiros já estão preocupados com a situação.

Para amenizar todos os transtornos, a Justiça do Distrito Federal, proíbiu que qualquer movimento de greve fosse feito até o dia 10 de Janeiro, pois ele avalisa que a greve nesse período pode causar um prejuízo irreparável.

O Sindicato Nacional dos Aeroviários pretende recorrer a decisão, pois defende que a greve é um movimento feito pelo trabalhador garantido por Lei.

Em Salvador 44% voos estão saindo com duas horas de atraso, informou a  INFRAERO.

Glória do Nascimento, 58 anos, que estava fazendo sua primeira viagem de avião ficou chateada com o atraso de mais de duas horas. Sua passagem estava marcada para 23h40, no Rio de Janeiro e chegada às 1h, em Salvador, mas só conseguiu chegar na capital baiana às 3h30. “A ansiedade era muito grande, eu achei que nem iria embarcar por causa do atraso. Mas, graças a Deus agora está tudo bem”. Ele veio visitar duas amigas cariocas que moram atualmente em Camaçari, na Bahia.    

O Sindicato Nacional de Empresas Aeroviárias (Snea), reformulou a prosta para 8% de reajuste salaria, e aguarda uma resposta dos trabalhadores.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*