Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
01 de dezembro de 2010 10:15

Operação erradica 56 mil pés de maconha no Norte da Bahia

No total foram erradicadas 153 toneladas de maconha na cidade de Xique-Xique

Por Editor

Cinquenta e seis mil pés de maconha erradicados – correspondendo a cerca de 153 toneladas da erva -, e um traficante preso foi o saldo da “Operação Liamba VII” encerrada na terça-feira (30/11), na cidade de Xique-Xique, sertão da Bahia. Realizada entre os dias 19 e 29 de novembro, a ação teve como objetivo o combate ao tráfico de droga em regiões do estado onde existe maior incidência de plantações de maconha.

Oitenta policiais, dentre eles federais, PMs (Grupamento Aéreo, Caatinga, Semi-Árido e Corpo de Bombeiros), além de integrantes das Forças Armadas (Marinha), guardas municipais de Juazeiro e lavradores daquela região participaram da operação. Dando suporte foram utilizadas 30 viaturas, dentre elas um ônibus da Polícia Federal e duas ambulâncias para atendimento de urgência, além de três helicópteros, dentre eles um do modelo Super Puma da Marinha.

Os municípios alvos da operação foram Juazeiro, Petrolina, Sobradinho, Curaçá, Abaré, Casa Nova, Sento Sé, Xique-Xique, Ibotirama, Irecê e localidades adjacentes. O helicóptero da PM foi utilizado no reconhecimento e plotagem (demarcação das coordenadas) de cada roça. Após a confirmação do plantio por parte dos peritos da PF, a aeronave Super Puma, que abriga 16 pessoas, além da tripulação, levava as equipes até as roças específicas.

Integração – “É com muita felicidade que volto a esta cidade, onde realizei operações pela Polícia Federal, para apresentar o excelente resultado desta operação que congregou esforços, unindo as instituições de defesa social das esferas municipal, estadual e federal”, comemorou o secretário da Segurança Pública, César Nunes. Acrescentou que é gratificante para a polícia ter encerrado a operação em Xique-Xique, cidade conhecida outrora como integrante do polígono da maconha, constatando que atualmente não existem plantações naquela área.

“Isso mostra que todo o planejamento feito, principalmente o trabalho preventivo, repressivo e investigativo, realizado pelas unidades das polícias Militar e Civil na região está sendo bem sucedido”, afirmou Nunes. Acrescentou que as ações integradas, como a “Operação Liamba VII” e a grande ação no estado no Rio de Janeiro, “comprovam a necessidade de trabalhar em conjunto, somando esforços”.

Fonte: Agecom-BA

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*