Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
28 de dezembro de 2010 23:22

Procon orienta sobre troca de presentes

A troca obrigat

Por Editor

Após as comemorações do Natal, é comum o consumidor ir aos estabelecimentos comerciais para trocar presentes. O problema é que nem sempre as lojas são obrigadas a fazer essas substituições, como esclarece o Procon/BA, órgão da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos.

Defeito no produto, compra fora do estabelecimento comercial e descumprimento da oferta são alguns dos motivos que obrigam o fornecedor a fazer a troca, de acordo com o Código de Defesa do Consumidor.

Segundo o coordenador técnico do Procon/BA, Pedro Lepikson, os fornecedores de produtos e serviços muitas vezes fazem a troca por pura liberalidade.

Ele destacou que isso é comum quando o consumidor erra no tamanho ou na cor ou até mesmo quando fica insatisfeito com o presente. Para tanto, o coordenador afirmou que o ideal é o consumidor fazer um acordo, mesmo que verbalmente, com o fornecedor no momento da compra.

A troca obrigatória acontece quando há defeito no produto. Nos casos de vício oculto, ou seja, aquele que não é percebido no momento da compra e que só se manifesta depois de um determinado tempo de uso, o consumidor tem 30 dias (para casos de bens não-duráveis) ou 90 dias (para os duráveis) para reclamar.

Esses prazos só começam a contar após a constatação do problema (sendo analisado o tempo de vida útil do produto). Já em relação ao vício aparente, este mesmo prazo começa a contar a partir da compra ou recebimento do produto.

Em se tratando de compras fora do estabelecimento comercial, seja pela internet ou por telefone, poderão ser canceladas no prazo de sete dias, a contar da data do recebimento do produto ou assinatura do contrato.

O descumprimento de ofertas, contratos ou publicidade também podem ser motivos para a troca. Para tanto, o consumidor deve sempre ter em mãos algum comprovante dos termos da oferta, como contrato, recibo ou material de divulgação do estabelecimento.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*