Camaçari Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
01 de outubro de 2010 13:23

O que pode e não pode no dia da eleição

Fique atento para não cometer nenhum crime eleitoral.

Por Editor

Mesmo com toda a atuação das polícias, Militar, Federal e Civil, junto com o Ministério Público e a Justiça Eleitoral, muitos candidatos e militantes estão se preparando para a batalha final das eleições 2010. Contudo, fique atento para o que é crime eleitoral para que você não seja pego cometendo nenhum deles e seja preso em flagrante.

A propaganda eleitoral no rádio e na TV já terminou. Os carros eleitorais só podem veicular os jingles das campanhas até as 23:59 de sábado (02). Então o que pode e não no dia 03 de outubro?

– O eleitor pode usar bandeiras, broches e adesivos. O que não pode acontecer é uma aglomeração de eleitores com roupas padronizadas, bandeiras, broches e adesivos.

– Também é vedado a eleitores tocarem os jingles de campanha no som de carros e casas num volume que caracterize que o mesmo está tentando persuadir as pessoas que estão ao redor.

– Também é proibido aos servidores da Justiça Eleitoral, assim como para todas as pessoas que trabalharão como mesários u alguma função nas Seções Eleitorais, usar vestuário ou adereços que possuam qualquer correlação com candidatos ou partidos eleitorais. Como adesivos, broches, etc.

– Aos fiscais partidários só é permitido utilizar crachás com o nome e sigla do partido ou coligação.

– É terminantemente proibido o uso de alto-falantes e amplificadores de som, comícios, carreatas, agremiação de eleitor, propaganda de boca de urna, divulgação de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos.

– O transporte de eleitores também é proibido. Exceto à serviço da Justiça Eleitoral, transportes coletivos de linhas regulares ou sem finalidade eleitoral.

– Também é proibida venda de produtos alcoólicos, a conhecida Lei Seca.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*